Search

Algarve Bike Challenge 2017


PRÓLOGO • 3 de Março

Começou o Algarve Bike Challenge 2017, a 5ª edição da prova algarvia de BTT com prólogo e duas etapas, e que tem a cidade de Tavira como base. O Prólogo disputou-se na noite de 3 de Março, nas ruas estreitas do centro histórico, com partida e chegada na Praça da República, à frente da Câmara Municipal. A dupla austríaca e germânica constituída por Gregor Raggl e Daniel Federspiel (AUT - Campeão do Mundo de XCE em 2016 e 2015 e Campeão da Europa e 2014 e 2013) venceu em UCI Race masculino, mas a dupla algarvia Filipe Francisco e Pedro Melo (BTT Terra de Loulé / BPI / Elevis) classificou-se na segunda posição, a poucos segundos. Amanhã há mais, escreveu F Francisco na sua conta Instagram...

1.ª ETAPA • 4 de Março

Depois de uma noite de chuva intensa e persistente, e especialmente de muito vento, a organização sentiu-se forçada a fazer alterações no percurso. A travessia de algumas ribeiras, que subitamente aumentaram de caudal, poderia causar alguns 'sustos' e dissabores aos participantes. Por isso reduziram-se os quilómetros e o acumulado de desníveis positivos a superar, aumentou a distância percorrida em asfalto mas, seja como seja, o percurso da etapa continuou igual para todos. Para mim, um dos locais onde tinha planeado ir fotografar ficou inviabilizado. Teria de fazer alguns quilómetros contra o sentido da corrida e o risco de um acidente seria significativo.

Na classificação da etapa muitas mudanças comparativamente com o Prólogo. Franz Hofer e Simon Gessler (TEXPA SIMPLON) surgem no topo da tabela classificativa da UCI Race masculina, seguidos pela dupla Frans Claes e Joris Massaer, com o mesmo tempo dos leaders, e pelos lusos David Vaz e Renato Ferreira (Gnauk / BTT Vouzela), com mais 19,092 seg. Mário Luís Costa e José Dias foram décimos, com mais 3 min 11,108 seg, enquanto que a dupla algarvia Andrew Henriques e Hernâni Silva (BTT Loulé / BPI / Elevis) foi décima segunda, com mais 5 min 21,445 seg que os vencedores da etapa.

2.ª ETAPA • 5 de Março

A terceira e última etapa decorreu com melhores condições climatéricas e não surgiram alterações de última hora no percurso. Frans Claes e Joris Massaer, que tinham vestido a 'amarela' na 1.ª etapa, voltaram a ser segundos na etapa e conquistaram o lugar cimeiro no pódio final UCI Race masculino. A dupla belga necessitou, no total, de 6 horas, 6 min e 22 seg de competição para chegar à vitória, tendo sido seguida, a escassos 51 segundos, por Frank Beemer (Holanda) e Kevin Panhuyzen (Bélgica). Massaer e Claes não venceram nem o Prólogo, nem nenhuma das duas etapas em linha, mas a regularidade assegurou-lhe o lugar mais alto no pódio definitivo. Beemer e Panhuyzen venceram ao sprint, com Massaer e Claes, a segunda etapa, mas esse resultado não foi suficiente para se superiorizarem aos seus adversários mais directos.

A primeira dupla masculina lusa foi constituída por Mário Luís Costa e José Dias, na sétima posição, a 6 min 37 seg, e a primeira dupla algarvia foi a de Valdemar Teixeira e David Belo (ExtremoSul Bike Sul), na 12.ª posição, a 16 min 59 seg. Mário Costa não deixou de evidenciar que o resultado ficou abaixo das suas expectativas, mas uma pequena intoxicação alimentar impediu-o de andar mais rápido. A dupla chegou, aliás, a liderar isolada a segunda etapa, mas não conseguiu manter a superioridade até ao final. David Belo, depois de cortar a meta, afirmou: «ficou cá tudo, mesmo tudo, não tinha mais nada para dar...»

Na UCI Race feminina, Lisa Mitterbauer (Áustria) e Anne Tauber (Holanda), com 7 horas, 35 min e 8 seg de competição, impuseram-se a Susana Alonso Carballo (Espanha) e Celina Carpinteiro (Portugal), que necessitaram de mais 2 minutos e 14 segundos para concluir a prova. Embora as diferenças de tempo sejam superiores, a disputa entre as duas duplas não foi menor. No final da 1.ª etapa em linha, a portuguesa e a espanhola lideravam e tudo fizeram, sem sucesso, para manter a superioridade até à meta final, situada junto ao antigo Mercado Municipal de Tavira. Anne Tauber e Lisa Mitterbauer venceram a 2.ª etapa, e com essa vitória destronaram Celina Carpinteiro e Susana Alonso do lugar cimeiro do pódio final UCI Race feminino do ABC 2017.

Na comunicação social:

  • barlavento - 2 de Março de 2017 - aqui

  • barlavento - 9 de Março de 2017 - aqui

#Tavira #AlgarveBikeChallenge #MárioLuísCosta #JoséDias #ClubedeBTTTerradeLoulé #BTT #DavidBelo

0 views
BLOG | Nuno de Santos Loureiro